Desenhando…

copy_of_p32_alterada

google.com

Brinco de desenhar você…

Faço avenidas para dançarmos juntos

iluminados pela luz dos postes…

Faço praias para caminharmos de mãos dadas

ao som das ondas que quebram nas areias…

Brinco de desenhar você…

E coloco palavras em tuas mãos

para que me escrevas poemas

falando de amor

e destas coisas meio bobas

que os amantes adoram ouvir

e que ao final de tudo são a essência da felicidade…

Brinco de desenhar você…

E faço fantasias com a minha solidão

E faço da tua ausência, companhia…

E faço do vazio esta alegria,

Que a qualquer momento a borracha irá apagar…

Aluísio Cavalcante Jr.